#RevoltadoBusao: Empresário é um dos acusados

24 de setembro de 2012

Após publicar o resumo da ação criminal que denuncia empresários de ônibus e o presidente da Federação Norteriograndense de Futebol, José Vanildo da Silva, por crimes contra a ordem econômica e corrupção, alguns leitores do blog enviaram complementos às informações publicadas.
Uma dessas complementações esclarece quem é o empresário Agnelo Cândido, contra quem o MP pediu a condenação.  
Agnelo é o proprietário do grupo A. Cândido que atua nos segmentos de transportes coletivos (Reunidas, Santa Maria, além de empresas em Campina Grande e João Pessoa), venda de automóveis (Via Costeira Veículos) e aluguel de veículos (Atar).  Muito rico, utiliza-se de carros blindados e anda somente sob forte escolta de segurança privada.
Mas vai além.  Segundo leitor do blog, "os transportes alternativos de Ponta Negra, Cidade Satélite e Eucaliptos são praticamente monopolizados por ele".  O leitor complementa explicando que "eram concorrência direta, então ele seguiu a boa e velha estratégia de guerra: se o inimigo é invencível, junte-se a ele. Na realidade, ele comprou a concorrência".
De acordo com a denúncia, Cândido "explora os motoristas sem pagar qualquer direito trabalhista e ainda, no caso de atraso dos horários, os carros são obrigados a pagar uma multa para o carro que vem em seguida".

P.S.: Erroneamente havia identificado Ângelo Cândido como sendo paraibano.  Ele tem atuação na Paraíba e endereço em João Pessoa, mas é pernambucano.  Além disso, é presidente do Seturn.  Quer dizer: o presidente do Sindicato de Empresas de ônibus seria, segundo leitor, dono de vans que fazem transporte alternativo.

0 comentários:

 
De olho no discurso © 2012 | Designed by Bubble Shooter , in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions