No lixão do Alberto Maranhão, muitas embalagens de remédio

2 de janeiro de 2013

Nos fundos do Teatro Alberto Maranhão, muito lixo.  A maior parte, embalagens de remédios.


A embalagem que fotografei é de Cloridrato de Amitriptilina, um antidepressivo.
As embalagens estavam, aparentemente, vazias, mas restou-me a dúvida se mesmo as embalagens vazias não mereceriam um tratamento especial.

0 comentários:

 
De olho no discurso © 2012 | Designed by Bubble Shooter , in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions