Pedimos desculpas à Rede Globo

7 de setembro de 2013

Por Marcos Monteiro

Prezada Rede Globo

Sensibilizados com o seu pedido explícito de desculpas pela participação e apoio ao golpe militar de 1964, queremos também pedir as nossas desculpas.

1. Pedimos desculpas pelo alívio em sentir uma rede acostumada a esconder e se esconder, admitir publicamente o que todas e todos já sabíamos.

2. Pedimos desculpas por não acreditar que a sua estrutura de informação seja democrática e que o apoio à ditadura de então teria sido um equívoco.

3. Pedimos desculpas por entender que a Rede Globo tenta estender e sustentar a sua própria ditadura de opinião e acharmos que apoiará futuras ditaduras desde que apoiem seus próprios interesses.

4. Pedimos desculpas por achar que somente pedir desculpas é muito pouco e uma única desculpa não cobre todo o excesso de intervenção e manipulação exercida.

5. Pedimos desculpas por achar que a Rede Globo manipulou imagens e pronunciamentos para favorecer candidatos com o perfil de corrupção e autoritarismo.

6. Pedimos desculpas por entender que a Rede Globo tenta criminalizar os movimentos sociais, especialmente o movimento de trabalhadores rurais, o MST.

7. Pedimos desculpas pelo nosso desinteresse nos comentários de seus comentaristas e pela falta de credibilidade que damos às suas considerações.

8. Pedimos desculpas por não achar graça nos seus programas de humor e morrermos de rir nos seus noticiários, com o nonsense e surrealismo de suas informações.

9. Pedimos desculpas pelo horror que sentimos diante do espaço dado às invasões norte-americanas, diante da transmissão de guerras ao vivo, como se fosse algum esporte macabro.

10. Finalmente, pedimos desculpas por não aceitarmos, em hipótese alguma, as suas desculpas.

Atenciosamente.
  
Feira de Santana, 06 de setembro de 2013.

0 comentários:

 
De olho no discurso © 2012 | Designed by Bubble Shooter , in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions