Projeto da prefeitura de Baía Formosa ameaça melhor point de surf do RN

27 de janeiro de 2014

Recebido por e-mail

Melhor pico de surf do RN, um dos melhores do Nordeste e do Brasil, corre sério risco de ser destruído a título de uma urbanização descabida e sem propósito.

O prefeito e empresário Nivaldo Melo (PSB), cujo hotel fica ao lado do Pontal de Baía Formosa, ao longo de suas duas gestões tem devastado o point dos surfistas descaracterizando a paisagem natural com obras de pavimentação que já alcançaram um limiar bem perigoso. No entanto, ainda não satisfeito com o estacionamento feito para os ônibus de turismo que diariamente levam clientes (lucro) exclusivamente até seu estabelecimento, ele pretende executar um projeto de urbanização no Pontal de Baía Formosa, com direito a retirada de coqueiros e construção de muro de contenção, além de outras modificações a título de “melhorias” e “urbanização”.  
Isto é: muito concreto por nada. Pra quê? A natureza agradece permanecer do jeito que está e a comunidade de surfistas e de veranistas também. População, veranistas, surfistas, turistas e vereadores de oposição são favoráveis à preservação do meio ambiente e dizem em coro: Não à urbanização do Pontal de Baía Formosa. Os problemas são muitos: até agora, não foi apresentado nenhum estudo da necessidade do muro, muito menos quanto ao comprometimento que com certeza a obra trará à ondulação natural do mar, que rende as melhores direitas (ondas) do Nordeste.
As pessoas que frequentam Baía Formosa gostam de natureza, de paisagens naturais, da tranquilidade que lhe é peculiar. O interesse em urbanizar por urbanizar é exclusivo do prefeito e de seus interesses como empresário. A cada ano, o seu hotel - que é localizado irregularmente em cima de dunas - é ampliado paulatinamente, o que nos oferece uma clara visão do quanto irresponsável e devastador da natureza ele é. Além disso, o esgoto do enorme estabelecimento escorre para o mar, exatamente para o Pontal. O muro de arrimo seria uma forma de esconder essa prática completamente absurda. Portanto, em vez de asfaltar as praias, ele deveria fazer obras de saneamento básico. Até porque outro esgoto forma uma grande cachoeira que mina água diariamente para a famosa Baía, na praia do Porto. Não à urbanização e sim ao saneamento básico.
DIREITAS MAIS FAMOSAS DO NORDESTE - O pico Pontal de Baía Formosa foi descoberto na década de 70 e, desde então, tem atraído atletas de todo o mundo, durante o ano inteiro, devido à constância das ondas. O surfista Fábio Gouveia (PB), que já foi campeão mundial, praticamente aprendeu a surfar em BF, como é conhecida carinhosamente a cidade que é linda por natureza e não merece tanto desrespeito. O histórico de Nivaldo Melo como prefeito e como empresário é de destruição da paisagem natural. Desde o primeiro mandato, ele empreendeu obras que descaracterizam as ruas, praças e praias, como é o caso da antiga praça Elisa Carlota, que era um mirante natural e hoje é uma imensidão de concreto na falésia. Uma obra de risco, além de medonha de tão feia.
Ora, se Baía Formosa é conhecida mundialmente no meio surfista devido à qualidade de suas ondas, por ser um celeiro de excelentes profissionais, como é o caso de Alan Jhones, Ítalo Ferreira e José Júnior Chupeta, atletas que vivem exclusivamente do surf, e outros, como Israel Júnior e Vitória Rodrigues, a lógica seria investir em qualidade de vida, em melhorias ambientais, em educação ambiental. E não em concreto, em asfalto. 

0 comentários:

 
De olho no discurso © 2012 | Designed by Bubble Shooter , in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions