Juizes lançam livros em Natal sobre abuso de poder e corrupção eleitoral

20 de setembro de 2014

Alguns anos atrás, em um palestra no auditório da OAB/RN, conheci o juiz maranhense Márlon Reis.  O evento era uma ação do Comitê de Combate à Corrupção Eleitoral.

Tendo militado contra a Corrupção Eleitoral antes disso, criou em 2002, o Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), rede de abrangência nacional que reúne 50 das mais importantes organizações sociais brasileiras e que congrega 330 comitês locais espalhados por todo o país.
Márlon Reis é um dos idealizadores e redatores da Lei da Ficha Limpa, que impede a participação eleitoral de candidatos que tenham sofrido condenações criminais em âmbito colegiado. A lei, fruto de uma iniciativa popular, foi aprovada após a coleta de 1,6 milhões de assinaturas e a mobilização de outros milhões de brasileiros.

O juiz estará em Natal na próxima sexta-feira (26) quando estará lançando o seu último livro "O nobre deputado", uma obra ficcional mas com os dois pés na realidade concreta.  No livro, o juiz narra como nasce e cresce um corrupto.
Reis será recebido em Natal pelo juiz Herval Sampaio, que ficou conhecido no estado inteiro por sua atuação eleitoral em Mossoró, intransigente com respeito à corrupção eleitoral e o abuso do poder econômico. O afastamento da ex-prefeita Claudia Regina, de Mossoró, deveu-se muito ao seu trabalho.
Herval está lançando, inclusive, um livro de ensaios sobre o "Abuso de poder econômico nas eleições".
O evento "'Corrupção eleitoral: abuso do poder nas eleições"com os dois magistrados terá lugar no auditório da Reitoria da UFRN, conforme o anúncio abaixo.
Sexta-feira, 26, 9h às 12h, no auditório da Reitoria da UFRN.

 
De olho no discurso © 2012 | Designed by Bubble Shooter , in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions