Eduardo Campos recebeu R$ 20 milhões, diz Paulo Roberto Costa

24 de outubro de 2014

Eduardo Campos teria recebido R$ 20 milhões de
Youssef por intermédio de Fernando Bezerra Coelho
No Congresso em Foco

Morto em acidente aéreo no dia 13 de agosto, em plena campanha presidencial, o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos teria recebido R$ 20 milhões para o caixa 2 de sua campanha à reeleição ao governo em 2010. O intermediador da transação seria o senador eleito e ex-ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho. As acusações são do ex-diretor de Abastecimento da Petrobras Paulo Roberto Costa e estão nos autos do processo de delação premiada.

As informações foram publicadas com exclusividade pelo jornal O Estado de S. Paulo. Em 2010, Campos foi reeleito com 80% dos votos válidos contra o senador Jarbas Vascocelos (PMDB). A delação de Costa foi homologada pelo ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal. Ele disse que os R$ 20 milhões foram entregues a Bezerra pelo doleiro Alberto Youssef.

Na época, o ex-ministro Bezerra era secretário de Desenvolvimento do governo do Estado e presidente do Porto de Suape (entre 2007 e 2010), onde foi construída a refinaria. Era ele quem tratava institucionalmente com os responsáveis pela obra de Abreu e Lima.

Iniciada em 2008, a obra ainda não foi concluída, mas já está com superfaturamento, segundo relatórios do Tribunal de Contas da União (TCU) e da Procuradoria da República.

 
De olho no discurso © 2012 | Designed by Bubble Shooter , in collaboration with Reseller Hosting , Forum Jual Beli and Business Solutions